Teresina

Menino que escreve com os pés ganha carteira adaptada

Pedro Miguel ama pintar com lápis de cor e já escreve as primeiras letras do nome, atividades comuns para as crianças da turma de Maternal do Centro Municipal de Educação Infantil Roseana Maria Martins de Lima, no Residencial Taquari, zona Leste de Teresina. O diferencial do Pedro Miguel é que o menino de apenas 3 anos de idade faz tudo isso com os pés. Pedro nasceu sem os membros superiores, mas todos os dias aprende e ensina algo novo para os colegas.

O garoto começou a vida acadêmica este ano na creche e acaba de ganhar uma aliada para a rotina em sala de aula. A Secretaria Municipal de Educação (Semec) enviou à escola uma carteira adaptada, feita sob medida para Pedro Miguel. A carteira acolchoada e com suporte abaixo dos pés permite que o aluno realize suas atividades com conforto e desenvolva a habilidade com os membros inferiores.

“Quando ele nasceu foi um desafio, achamos que seria muito difícil estudar, brincar, comer como as outras crianças, mas ele nos mostrou que é um guerreiro, faz tudo sozinho”, conta a mãe Regiane Fernandes. Para ela, a nova carteira permite que o filho desenvolva todas as tarefas junto com a turma. “Melhorou muito o dia a dia do Pedro na escola, ficamos muito felizes, ele está até mais empolgado para estudar”, revela Regiane.

Ser diferente não é barreira no CMEI Roseana Martins. A coordenadora pedagógica Liana Moura conta que a escola é preparada para receber todas as crianças. “Trabalhamos para garantir que crianças com necessidades especiais tenham acesso aos mesmos direitos e oportunidades. Na verdade, elas nos ensinam muito e são sempre bem vindas na escola”, afirma a pedagoga.

De acordo com a Semec, foram entregues 186 carteiras adaptadas nos últimos seis anos.

Fonte: Viagora

Related posts

População cresce no Brasil: Teresina é a 17ª capital mais populosa, afirma o IBGE

Moisés Costta

Corpo de Bombeiros do Piauí está entre os 10 melhores do mundo

Moisés Costta

Ministro Gilberto Occhi recusou tomar cajuína em Teresina

Moisés Costta