Polícia

Ex-cantor é preso, mas foge de delegacia após esfaquear mulher em Amarante

Um cantor é suspeito de esfaquear a ex-namorada na manhã desta terça-feira (03) no município de Amarante. Essa não seria a primeira vez que ele atenta contra a vida da ex. Em janeiro deste ano, de acordo com a Polícia Militar, o suspeito também raptou e estuprou a vítima, na mesma cidade. O suspeito foi identificado como J. P. da C, de 29 anos. 

O cabo Giordano Gonçalves, da Força Tática da 2ª Companhia de Regeneração, que comandou as buscas pelo cantor, relatou que a vítima foi abordada pelo suspeito logo no início da manhã de hoje quando ela se preparava para o trabalho, por volta das 8h, quando foi surprendida pelo ex na sua residência. Os golpes de faca teriam ocorrido no quintal da casa da vítima.  

Logo após o crime, o suspeito foi preso em flagrante, levado à delegacia regional de Amarante e conseguiu fugir, mas foi recapturado horas depois.  Desde janeiro o cantor tinha paradeiro desconhecido.

A linha de investigação, de acordo com a Polícia Civil e a Polícia Militar, é de que o suspeito não aceitava o fim do relacionamento, que durou cerca de seis anos.  Eles têm uma filha

“Ele perseguiu ela hoje e deu três golpes de faca na região do tórax. Fomos informados que ela foi para atendimento (médico) no HUT (Hospital de Urgência de Teresina) e passou por cirurgia. Um policial passava pelo local e com a ajuda de populares conseguiu mobilizar ele, mas acabou fugindo da delegacia. Agora há pouco nós conseguimos pegar ele de novo caminhando na rua “, explicou o cabo.   

Giordano Gonçalves ressaltou que no momento da segunda prisão, quando foi encontrado pelo cabo Cunha, o suspeito afirmou que iria se entregar. “Nossas equipes estavam em diligências na busca por ele. Ele apareceu aqui na rua, caminhando tranquilamente, ele foi  recapturado na rua próxima ao GPM que dá acesso à delegacia civil”. 

O delegado Otony Neto investiga o caso. Ele conta que o suspeito poderá responder por tentativa de feminicídio. O cantor também deve responder por quebra de medida protetiva, pois a vítima já havia pedido por proteção. 

“Agora nós estamos autuando ele em flagrante pelo fato de hoje. Quanto ao fato da lesão corporal e do estupro, esse inquérito já estamos concluindo e está sendo relatado. Esse outro inquérito nasce agora por conta da prisão em flagrante por descumprimento de medidas protetivas, lesão corporal grave ou tentativa de feminicídio. Nós veremos qual a tipificação correta. Ele não aceitava o fim do relacionamento, de aproximadamente seis anos”.

Fonte: cidadeverde.com

Related posts

Dívida por R$ 5,00 teria motivado morte de homem no litoral do Piauí

Moisés Costta

Homem é executado com vários tiros na cabeça ao sentar na calçada de casa em Alagoinha do Piauí

Moisés Costta

Firmino Filho pagou R$ 23 milhões a empresário preso na Operação Topique

Moisés Costta

1 comentário

Ex-cantor acusado de esfaquear mulher em Amarante se entrega à polícia - MP5 março 4, 2020 at 10:22 am

[…] acusado teria esfaqueado a ex-companheira em Amarante na manhã desta terça-feira (03) com pelo menos três perfurações. A vítima foi encaminhada para o Hospital de Amarante e, em […]

Comentários estão fechados